Como um blog pode ajudar na sua estratégia de marketing em 2024?

Divulgue esse Artigo

Atalhos para este artigo

Se você está desenvolvendo um site ou já possui um, ou talvez está pesquisando sobre blog, SEO ou busca orgânica, este artigo aborda como um blog pode ajudar na sua estratégia de marketing. 

Uma dúvida recorrente é se as pessoas leem blogs nos dias de hoje. Atualmente, ao precisar de algum produto ou serviço — como uma comida ou pedir um Uber, por exemplo —, as pessoas usam os aplicativos necessários para isso em seu celular ou fazem uma pesquisa no navegador sobre o que querem no momento. Se a empresa possui um blog bem feito e estruturado, ela tem a oportunidade de aparecer no Google organicamente, o que gera a captação do cliente. 

Então, se o desejo é que a sua empresa apareça no momento em que os potenciais clientes estão procurando pelo seu serviço/produto ou querendo tirar uma dúvida, o blog consegue ajudar na sua estratégia de marketing nesta parte de indexação (exibição) orgânica. 

Vamos conhecer quais são os benefícios de um blog.

Blogs geram autoridade e ajudam a vender

Ao ter um blog é preciso escrever conteúdos que sejam sobre o mercado, da área de atuação e do produto ou serviço da empresa. 

Quando uma pessoa pesquisa sobre um desses tópicos e encontra um artigo do seu blog, temos a construção da autoridade, porque a sua página entrega um conteúdo de extremo valor e o usuário te reconhece como uma autoridade, já que o material encontrado a ajudou de alguma maneira. No momento que o blog ganha autoridade, a venda é automática, podendo acontecer de maneira imediata ou por meio da jornada de compra. 

Portanto, o blog ajuda a gerar autoridade e, como consequência, a vender.

Um bom conteúdo te ajuda a aparecer no Google

Um conteúdo bem escrito faz com que a empresa tenha mais páginas indexadas no Google, o que aumenta as chances de aparecer como resultado de uma pesquisa. Consequentemente, isso melhora, pouco a pouco, o posicionamento da empresa no buscador ao longo do tempo. 

Educação do público

Ao produzir conteúdo para o blog, tem-se a oportunidade de educar o seu público e ajudar em seu amadurecimento. 

Se uma pessoa tem uma dúvida sobre um produto ou serviço e encontra um conteúdo ensinando a ela sobre aquilo, você o educa e o prepara para realizar uma aquisição do que a empresa oferece. 

Quando o cliente está maduro, ou seja, não possui dúvidas, ele toma a decisão de compra. E se você ajuda ele a passar por esse processo, ele escolherá a sua empresa para adquirir um produto ou serviço. 

Facilita o processo de vendas

O fato do seu cliente já ter sido educado sobre o produto/serviço da empresa faz com que o vendedor não precise se esforçar tanto para realizar a venda, assim como também diminui o esforço do marketing.

A pessoa que acompanha o site e as redes sociais da empresa possui um amadurecimento no que diz respeito aos produtos, o que diminui a barreira de vendas. 

Resultados permanentes

Com a prática de ter sempre bons conteúdos, os resultados serão constantes. Em outras palavras, o Google entende que o blog possui um conteúdo legal, te exibe nos resultados de pesquisa e a página recebe visitas mensalmente — assim, você tem resultados sólidos e consistentes. 

Blog e conversão: como gerar leads de forma efetiva

Mas como um blog irá captar o cliente e trazê-lo para a empresa? O responsável por isso é o processo de conversão.

Como gerar leads de forma efetiva - Mestres do Site

A conversão é colocar alguns elementos dentro do site para que o cliente, por exemplo, entre em contato pelo Whatsapp ou preencha um formulário. Mas, para isso, a página precisa ser preparada. Algumas ferramentas que geram conversão são: 

  • Landing Pages: páginas de vendas de produtos ou serviços que são vinculadas aos conteúdos;
  • Pop-up: banner que aparece na tela para o cliente. Pode ser usado para captar alguns dados do cliente, como número de telefone e e-mail;
  • Chatbot: ferramenta que convida o cliente para um bate-papo através de perguntas;
  • Formulários: pedir para o cliente preencher um formulário para entrar em contato com a equipe e resolver a sua dúvida. 

Utilizando uma ou mais dessas ferramentas, o blog é capaz de converter um visitante em um potencial cliente (também chamado de lead) ou em uma oportunidade (quando o cliente deseja entrar em contato com a equipe comercial). 

Métricas para blog

Como acompanhar o desenvolvimento do blog e se ele está gerando resultados? Explicamos quais métricas acompanhar para monitorar o seu blog.

  • Visualizações de página: é o número de pessoas que visitaram determinada página dentro do site;
  • Usuários únicos: quantas pessoas únicas visitaram páginas dentro do site;
  • Conversões e taxas de conversões: se de 100 visitas há a conversão de 3 leads, então a taxa de conversão é de 3%. Para ter esses resultados, deve-se integrar algumas ferramentas, como Google Analytics, ao seu site. 
  • Taxa de rejeição: são as pessoas que visitam o site e logo saem. Essa métrica é importante para entender o tempo de carregamento e a qualidade da página;
  • Tráfego por canal: indica o que está levando visitas para o seu site. 

Entender cada métrica faz com que se tome decisões que irão ajudar a otimizar e a melhorar o blog e o site. 

Blog e SEO: da escolha de pautas à otimização

Existe um conjunto de técnicas para fazer o planejamento do que escrever no blog. Para saber mais sobre isso, leia este artigo

Um dos pontos que merece atenção é a densidade de palavras-chaves para não repetir os termos mais do que o necessário dentro do conteúdo, determinando uma porcentagem de uso. Por exemplo: estipular que em um texto de 1.000 palavras ocorra a repetição da palavra-chave em 2% dele, ou seja, que ela seja escrita 20 vezes. 

É um erro comum achar que escrever muito determinada palavra-chave em um texto irá ajudar na indexação da página no Google. 

Links internos e externos

O link interno é fazer referência a outros textos de seu site, enquanto que o link externo é referenciar outras empresas.

LEIA TAMBÉM: 👉Como alavancar o seu negócio na internet?

Tags de SEO

Algumas tags que te auxiliam na indexação no Google e são levadas em consideração para medir a qualidade do blog são:

  • Meta Title: o título do artigo que aparece no Google;
  • Meta Description: a descrição da postagem;
  • H1, H2, H3: essas marcações compõem a hierarquia de informações do seu texto. 

Imagens

As imagens utilizadas no conteúdo não devem ser muito grandes e precisam ter descrições. 

Tipos de post para blog

O que escrever no blog? A seguir, alguns exemplos de conteúdos que podem ser utilizados:

  • Post educativo;
  • Tutoriais;
  • Listas;
  • Estudo de caso;
  • Guest posts ou posts compartilhados com outras empresas, podendo ser um fornecedor ou parceiro. 

Conclusão

O objetivo deste artigo foi te ajudar a tomar decisões referente a ter um site e um blog. 

Se você precisa de ajuda para desenvolver o site da sua empresa, a Mestres do Site pode te ajudar. 

Esse artigo foi escrito por...

Picture of Marcos Roberto

Marcos Roberto

Marcos Roberto - 7 Anos de experiência no mundo de vendas. Apaixonado por Marketing Digital. Especializado em criação de conteúdo Tráfego pago tráfego orgânico Inbound Marketing Focado em resultados!
Picture of Marcos Roberto

Marcos Roberto

Marcos Roberto - 7 Anos de experiência no mundo de vendas. Apaixonado por Marketing Digital. Especializado em criação de conteúdo Tráfego pago tráfego orgânico Inbound Marketing Focado em resultados!

Download Grátis

Logo Google Partner
Rd Station Partner Gold

Somos Certificados Pelas Maiores Empresas de Marketing Digital