Mestres do Site

Como sites de pequenos negócios podem competir em SEO com sites grandes?

Como sites de pequenos negócios podem competir em SEO com sites grandes?

O marketing nunca foi tão promissor para os pequenos negócios como no cenário atual. Quer saber como os pequenos negócios podem competir em SEO com sites grandes? Então, leia esse post até o final!

Pode parecer impossível competir com grandes empresas pela atenção do consumidor. Afinal, o que não falta para elas é investimento em marketing e visibilidade para a sua marca.

Então, como pequenos negócios podem concorrer com os grandes?

O marketing digital é democrático: qualquer tipo ou porte de negócio pode ter sucesso com boas estratégias, como o SEO.

Em suma, tudo o que você precisa é ter a percepção das oportunidades que existem para os pequenos negócios e sites, que os grandes geralmente não têm acesso ou não aproveitam.

Neste artigo, vamos analisar as vantagens em SEO de pequenos e grandes negócios, para que depois você entenda as estratégias que podem ser usadas a seu favor. Boa leitura!

Vantagens das grandes empresas em SEO

Grandes empresas, com sites criados há bastante tempo e uma presença digital madura, têm alguns benefícios em SEO que você não pode ignorar. Sendo assim, conheça os principais deles:

Recursos financeiros

Como você já sabe, as grandes empresas possuem mais dinheiro para investir do que as empresas que estão começando, certo?

Embora SEO não exija investimento em mídia, é interessante ter algum dinheiro para adquirir ferramentas, contar com uma equipe especializada para fazer as otimizações ou terceirizar os serviços com empresas especializadas.

Além disso, as mídias pagas também contribuem, indiretamente, para um bom ranqueamento ao fortalecer a marca e aumentar sua visibilidade. Para grandes sites, o que não falta são recursos financeiros para isso.

Departamento de marketing 

Grandes empresas geralmente têm um departamento de marketing organizado, com especialistas para diferentes setores do marketing digital.

Ou, quando essa área é mais enxuta, a empresa pode optar pela terceirização do serviço, contratando profissionais ainda mais especializados.

Autoridade 

Provavelmente uma grande empresa já está há alguns anos no mercado e também já tem um site criado há tempos.

Ao longo dos anos, esse site já recebeu muitas visitas, muitos links de outras páginas, muitos conteúdos publicados. Então, o Google possivelmente já considera que a plataforma tem uma grande autoridade, essencial para competir em SEO.

Mas, não precisa se desesperar com essa informação, pois se você oferecer um conteúdo mais relevante e qualificado para o público, é possível bater os grandes sites, ainda que eles tenham mais autoridade.

Confiança

Em síntese, tempo de mercado é um fator que também desperta confiança nos consumidores, não é mesmo?

Gerar confiança leva tempo. Nesse sentido, com o passar dos anos, as grandes empresas construíram sua reputação, tornaram-se mais conhecidas e se mantiveram na lembrança do público.

Presença online consistente

As grandes empresas normalmente conseguem explorar bem as plataformas digitais, pois possuem um excelente poder de investimento e com uma equipe qualificada .

Elas estão presentes e ativas em diversas redes sociais, têm uma estratégia de e-mail marketing, trabalham com marketing de busca e possuem objetivos claros em cada canal.

Dessa forma, a visibilidade aumenta e a força da marca se torna cada vez mais consolidada.

Vantagens dos pequenos negócios em SEO

Não se desanime com todas as vantagens dos grandes sites que acabamos de citar – os pequenos também têm seus benefícios! Veja só:

Agilidade

Pequenas empresas podem não ter equipes robustas e profissionais tão especializados, mas possuem uma grande vantagem: agilidade.

Em uma grande empresa, uma simples tarefa precisa passar por diversos setores, tornando os processos muito mais lentos, diferentemente dos pequenos negócios.

Liberdade de criação

Em pequenos negócios, há mais abertura para assumir riscos. Isso contribui para experimentar ações inovadoras, que podem trazer excelentes resultados, mas sem garantias de que dará certo.

Por outro lado, os grandes têm uma preocupação muito maior em investir apenas no que gera retorno certo. Assim, elas percorrem apenas os caminhos já trilhados, limitando a liberdade de criação.

Identificação com nichos

Grandes empresas precisam de escalabilidade. Portanto, não focam apenas em um nicho, afinal, elas precisam se comunicar com a massa.

E aí está uma grande oportunidade para o pequeno negócio competir em SEO, já que ele pode escolher nichos e se tornar uma autoridade dentro deles. As pessoas confiam muito mais em uma marca que fala a sua língua e que entende seus problemas e suas necessidades.

competir em seo

Autenticidade

Os pequenos negócios têm mais liberdade para conversar de igual para igual com o público, pois entendem seus problemas e necessidades.

Isso é uma grande vantagem, pois ser transparente e autêntico mostra que o seu negócio é feita por humanos. Ao construir relações humanizadas, você constrói também conexões emocionais.

5 estratégias para competir em SEO

Depois de conhecer quais são suas vantagens e limitações em relação às grandes empresas, está na hora de conhecer algumas estratégias que um site pequeno pode desenvolver para competir em SEO como um gigante. Então, confira a lista que preparamos a seguir!

LEIA TAMBÉM:
👉 Criação de sites para pequenos negócios

1. Utilizar palavras-chave específicas

Experimente buscar no Google palavras-chave genéricas, por exemplo “computador”. Provavelmente você verá nos resultados os maiores sites de e-commerce do Brasil. Com eles, realmente será difícil competir.

Mas não desanime!  Experimente procurar por “melhor computador para games”. Agora, os resultados já mostram alguns sites de nicho e vídeos do YouTube, certo?

Ainda que menos badalados que na busca anterior, esses sites trazem conteúdos ricos para gamers que estão pesquisando um computador para comprar. Ou seja, eles se comunicam com um público de nicho. E, para essa busca, eles estão bem posicionados.

Nesse sentido, o que queremos dizer é que você precisa focar nas palavras-chave específicas, conhecidas como “de cauda longa”, e criar conteúdos de nicho sobre esses termos para competir em SEO. 

Palavras-chave de cauda longa são capazes de atrair para o site um público específico, que está realmente interessado em determinado assunto e conteúdo que você oferece. 

2. Criar autoridade em nichos

Como dissemos anteriormente: se você criar identificação com públicos de nicho, terá mais oportunidades em SEO, além de criar uma relação mais próxima e de confiança com os clientes.

Para isso, você precisa desenvolver uma estratégia de conteúdo e de relacionamento dentro de algum segmento, identificando as oportunidades dentro do seu mercado.

Primeiramente, entenda esses consumidores: quais são seus gostos, dúvidas, problemas, como buscam informações e como seu site pode ajudá-los? 

Após isso, comece a produzir conteúdos relacionados ao seu mercado de atuação e relevantes para esse público. Afinal de contas, são esses posts e materiais que servirão para posicionar seu site para as buscas desses usuários.

Além disso, não deixe de estudar as estratégias de outros blogs, sites e influenciadores desse nicho, ok?

3. Construir relacionamentos individualizados

Dificilmente uma grande empresa consegue criar relacionamentos mais próximos, pois precisa pensar em escala. Mas você pode tratar cada pessoa como única e especial.

Aproveite essa oportunidade para fortalecer seu relacionamento com o público em uma estratégia de e-mail marketing, por exemplo.

Mas e-mail marketing ajuda a competir em SEO? Sim! Os resultados da busca são personalizados, pois o Google considera, entre outros fatores, o histórico de pesquisas e navegação da pessoa.

Ou seja, o algoritmo entende a relevância do seu site para aquele usuário e prioriza suas páginas no ranqueamento, já que elas foram bastante acessadas por ele durante a sua jornada.

4. Explorar conteúdos

Já pensou em focar em conteúdos não tão atrativos financeiramente, que são menos concorridos e ajudam a posicionar suas páginas, embora não gerem vendas diretamente?

Por exemplo, enquanto as grandes empresas estão focadas em se posicionar nos resultados para “computador”, “comprar computador” ou “computador com desconto”, você pode focar em “dicas para comprar um computador”.

As suas palavras podem não gerar uma venda imediata, pois o consumidor ainda está pesquisando a melhor solução. Mas, se você tiver um bom conteúdo, ele se manterá em contato com sua marca até a hora da compra.

Além disso, essa estratégia te ajuda a construir autoridade e reputação no mercado.

5. Investir em conteúdos aprofundados

Como mencionamos, o pensamento das grandes empresas é em escala. Elas precisam de volume, para gerar cada vez mais tráfego e vendas com seu site.

Essa é uma das razões para elas não se especializarem em um nicho e, por isso também, não conseguem criar conteúdos extremamente aprofundados sobre um tema.

Como um pequeno negócio, especializado em um nicho, você não precisa focar no volume. Afinal, é muito melhor se dedicar mais à qualidade do conteúdo do que à quantidade.

Por exemplo, enquanto elas produzem vários conteúdos básicos sobre computadores em um blog, você pode criar um ebook completo sobre a tecnologia dos computadores e oferecer um webinar para tirar dúvidas dos dos consumidores.

Você pode se posicionar à frente de grandes marcas em assuntos específicos!

O marketing nunca foi tão promissor para os pequenos negócios como no cenário atual. Antigamente, anunciar na TV ou instalar um outdoor só era acessível a grandes marcas, com grandes orçamentos. Hoje, poucas verbas também podem gerar excelentes resultados!

Para mais dicas, continue acompanhando o nosso blog.

Sucesso!

Fechar Menu
Recebemos a sua mensagem. Em alguns minutos nossa equipe fará contato.
Modelo de Site First TI