Mestres do Site

COVID-19: E-commerce é uma alternativa que vale a pena?

COVID-19: E-commerce é uma alternativa que vale a pena?

Ter um e-commerce já era uma opção vantajosa, devido ao crescimento da internet. Mas, com o coronavírus, muitos negócios físicos estão migrando para o digital. Será que é a hora de ter uma loja virtual? Descubra neste post!

No começo do ano, as estimativas de crescimento para o e-commerce já eram boas. Afinal, o mundo digital cresce cada vez mais. Segundo a ABComm (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico), o setor teve 18% e poderia movimentar R$ 106 bi em 2020.

No entanto, com todas as mudanças que aconteceram devido à pandemia do coronavírus, essa estimativa passou a ser ainda mais positiva.

Por esse motivo, decidimos reunir algumas informações e te mostrar o quanto uma loja virtual pode ser vantajosa para você neste momento. Confira!

E-commerce como alternativa para o comércio

O surto de coronavírus é uma oportunidade de crescimento para o comércio eletrônico brasileiro, que está em ascensão: em 2010, o setor obteve um faturamento de R$ 16,8 bilhões. Em 2019, 9 anos depois, esse número subiu para R$ 75,1 bilhões, segundo Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm).

No entanto, apesar desse número ser bastante significativo, em 2019 o e-commerce representava cerca de 5% do varejo brasileiro como um todo. Nesse sentido, há muito espaço para crescer.

Portanto,mesmo com toda a crise atual, que é indiscutível, este momento também é uma grande oportunidade. Muitos lugares ao redor do mundo, inclusive o Brasil, têm fechado as portas, cancelado eventos, a fim de evitar as aglomerações, pois isso fortalece a contaminação pelo vírus. Dessa forma, vender online passou a ser praticamente uma obrigação para quem quer sobreviver no mercado.

LEIA TAMBÉM:
👉 O Guia Completo da Criação de Sites

Foco no comércio online

Se você já tem uma loja física e ainda não está na internet, então, comece agora mesmo a investir na sua loja virtual. Faça uma campanha de reeducação com os seus clientes. Apresente os canais online da sua loja, e os convide a continuar consumindo pela internet.

Dessa forma, mesmo que precise fechar a loja física ou que ela esteja vazia por conta da quarentena, você não precisará se preocupar, por terá esse outro canal de negócio.

e-commerce

Por outro lado, se você quer começar um negócio do zero e montar o seu e-commerce, está na hora de começar a se planejar e não perder mais tempo! Afinal de contas, a concorrência tende a aumentar.

Nos dois casos, para ter um negócio eficiente, é preciso tomar cuidado com algumas questões, por exemplo:

  • Tenha vitrines eficientes, que mostrem os produtos mais relevantes para o consumidor;
  • Aposte em otimizações de SEO para ser encontrado facilmente pelo seu público-alvo
  • Revise seus produtos e suas ofertas, para evitar oferecer produtos que não poderão ser entregues, devido à situação de isolamento e/ou de rotas comerciais suspensas;
  • Informe-se sobre como as transportadoras estão trabalhando. Veja quais funcionarão normalmente e quais diminuirão a frequência de trabalho;
  • Deixe bem claras as condições de compra, principalmente no que diz respeito à entrega.

E então, se convenceu de que um e-commerce é uma grande oportunidade para os seus negócios?

Vale lembrar que você não precisa fazer e pensar em tudo sozinho. Para ter um negócio profissional, busque ajuda de empresas que oferecem serviços que você irá precisar, como uma empresa especializada em criação de sites, por exemplo.

Para mais dicas, continue acompanhando o nosso blog.

Sucesso!

Fechar Menu
Recebemos a sua mensagem. Em alguns minutos nossa equipe fará contato.
Modelo de Site First TI