Google Ads para Indústria

Divulgue esse Artigo

Atalhos para este artigo

Mesmo que o Google Ads seja uma das maiores ferramentas de publicidade online, muitas empresas ainda não entendem muito bem sobre essa estratégia. A seguir, saiba mais sobre o Google Ads para indústria e veja como a ferramenta é vantajosa!

Você pode ver o conteúdo dessa matéria em vídeo:

Não importa o segmento da sua indústria, uma coisa é certa: todo mundo está procurando aumentar seus clientes e suas vendas, certo?

Com o crescimento da Internet e da tecnologia nos últimos anos, uma maneira de chamar atenção do seu público e oferecer para ele o que ele deseja no momento certo é o Google Ads.

Entretanto, o Google Ads é amplamente utilizado por diferentes tipos de indústria, pois ele realmente traz resultados. Dessa forma, é preciso entender bem sobre a ferramenta para conseguir se destacar e trazer novos negócios para a sua indústria.

A seguir, entenda mais sobre Google Ads para indústria.

O que é Google Ads?

Antes de tudo, vamos esclarecer o que é Google Ads. O Google Ads (ante chamado de Google Adwords) é a forma que o Google encontrou para monetizar seu mecanismo de pesquisa altamente popular. Ou seja, criando propaganda.

Nos dias de hoje, o Google é o site mais popular do mundo, com um ranking Alexa de número 1 e mais de 42 bilhões de impressões por mês. Por isso, se você deseja que as pessoas saibam que a sua indústria existe, o Google Ads é o lugar perfeito para anunciar.

Como o Google Ads funciona?

Apesar de ter diversos pontos importantes que você deve entender quando se trata do Ads, um dos mais importantes é o sistema de lances. Sem entender como ele funciona, você não será capaz de estimar quanto custará uma campanha ou quanto você acabará pagando por clique.

O que acontece é o seguinte: os anunciantes estão sempre fazendo lances uns contra os outros para decidir quem fica na primeira posição – a mais desejada, é claro.

Normalmente, para a grande parte das palavras-chave, existem 4 locais disponíveis no topo da página e outros 3 na parte inferior. Levando em consideração que 75% dos usuários nunca vão além da primeira página do Google, os anúncios de primeira página estão sempre em alta demanda para os anunciantes.

Se o anunciante X estiver dando um lance de R$5 por clique, enquanto o anunciante Y estiver dando um lance de R$4 por clique, supondo que eles sejam os licitantes mais altos, o anunciante X ficará com a primeira posição, enquanto o anunciante B ficará com a segunda posição.

Pode não parecer grande coisa, não é mesmo? Mas a taxa de cliques do primeiro anunciante é muito maior do que as outras posições, por isso ser o número 1 é tão importante.

Mas, fique tranquilo! Se você não pode dar um lance suficiente para chegar ao primeiro lugar, não precisa se desesperar. As 4 primeiras posições trarão ótimos resultados também,o que deve ser suficiente para decidir se você deseja dimensionar sua campanha ou não.

LEIA TAMBÉM:
👉Google Ads do zero: tudo que você precisa saber!

Termos importantes no Google Ads

Existem alguns termos que você precisa conhecer para entender melhor sobre o Google Ads. Confira os principais deles:

Campanha

Uma campanha de anúncios no Google Ads é formada por seus grupos de anúncios e tem o mesmo orçamento, tipo de campanha e outras configurações de anúncio.

Geralmente, é o que você configura primeiro ao anunciar e ajuda a organizar seus diferentes esforços de publicidade paga. Vale lembrar que você pode executar várias campanhas a qualquer momento em sua conta do Google.

Grupos de anúncios

Um grupo de anúncios é seu conjunto de palavras-chave, orçamentos e métodos de segmentação para um objetivo específico, dentro da mesma campanha.

Por exemplo, se você estiver exibindo uma campanha para uma venda de ferramentas, poderá configurar grupos de anúncios para segmentar vendas online e tipos de ferramentas. É possível ter vários anúncios em cada grupo de anúncios.

Tipo de campanha

O tipo de campanha é onde você pretende que seus anúncios sejam vistos. Entre eles, você pode escolher:

  • Rede de pesquisa
  • Rede de display
  • Youtube
  • Aplicativo
  • Google Shopping

Palavras-chave

As palavras-chave são protagonistas no Google Ads. Elas são as palavras ou frases que você escolhe para seus anúncios e ajudarão a determinar onde e quando seu anúncio será exibido.

Ao escolher suas palavras-chave, leve em consideração o seu cliente e o que ele pesquisaria quando estivesse procurando seu produto, serviço ou oferta.

Embora você possa incluir quantas palavras-chave quiser, é melhor usar no máximo vinte.

Índice de qualidade

Um índice de qualidade é a medição do Google com base na relevância do título do seu anúncio, descrição, palavras-chave e URL de destino para o seu cliente potencial que vê seu anúncio.

Um Índice de qualidade mais alto pode melhorar o posicionamento do anúncio e reduzir custos.

Impressões

A impressão é a medida de quantas vezes seu anúncio foi mostrado.

Classificação do anúncio

A classificação do anúncio é o valor utilizado para indicar onde seu anúncio é exibido em uma página. Ela se baseia no seu Índice de qualidade e no valor do seu lance.

Extensões de anúncio

As extensões de anúncio são informações adicionais sobre sua empresa, como endereço, número de telefone e até cupons ou sites adicionais. Eles são o que aparece em azul abaixo das descrições do anúncio.

Call to Action (CTA)

O CTA (call to action) é literalmente a ação que você deseja que o público faça. Bons CTAs em seus anúncios são palavras curtas e voltadas para a ação, como: “Compre”, “Adquira”, “Clique aqui” etc.

Taxa de cliques (CTR)

A CTR é uma métrica essencial nas configurações de sua conta. Ela mede quantas pessoas que viram seu anúncio clicam até o destino do link.

Otimização

A otimização no Google Ads é como a otimização em outras partes do marketing. Ou seja, alterações para que seu anúncio atinja melhores resultados para seus objetivos.

Estratégia de lance

A estratégia de lance é basicamente como você define seu tipo de lance para pagar pela interação do visualizador com seus anúncios.

Orçamento diário

Seu orçamento diário é o que você pretende gastar por dia por anúncio. Seu custo diário é baseado em uma média diária por mês, então, não se preocupe se a sua taxa variar de um dia para o outro.

CPC

Custo por clique é o tipo de lance mais comum no Google Ads. Isso significa que você só paga quando uma pessoa realmente clicar em seu anúncio.

PPC

Pay-Per-Click é igual a CPC.

CPM

Custo por mil impressões é um método de lance que baseia seus custos em quantas vezes seus anúncios são exibidos (impressões).

Limite de cobrança

Seu limite de cobrança é o nível de gastos que aciona uma cobrança para você pelos custos do anúncio.

Aplica-se a pagamentos automáticos e o nível do limite começa em R$50. Se você atingir isso em 30 dias, será cobrado e seu limite aumenta para R$100 e assim por diante.

Google Ads para Indústria

Como você pôde perceber até aqui, o Google Ads é uma ótima ferramenta de anúncios. No entanto, ele tem as armadilhas dele. Não adianta não ter conhecimento e querer fazer a sua campanha no Google Ads, os resultados não serão bons.

Grande parte das indústrias já se deu conta que é muito bom investir nessa ferramenta, então, o mercado é muito concorrido e isso acaba inflacionando os cliques. Então, se você decidir criar suas campanhas sem a ajuda de um profissional que realmente entenda, as chances de você acabar gastando mais do que deveria e errar são grandes.

Por isso, o ideal é que você conte com a ajuda de um especialista em Google Ads. Afinal, tudo que você conseguir economizar e fugir de uma concorrência exagerada, vai te beneficiar.

Sabendo disso, existem alguns pontos importantes sobre o Google Ads para indústria, sendo eles:

Tome cuidado com termos muito caros

Como acabamos de dizer, alguns termos podem ficar inflacionados devido ao grande número de indústrias usando o Google Ads.

É importante fazer um estudo dentro do Google para descobrir o valor de clique dos principais termos. Às vezes, é bom evitar alguns termos, mesmo que eles sejam bons, por causa do custo deles e usar termos de cauda longa e média para baratear o custo.

Analise as regiões

Outra questão muito importante é verificar quais regiões têm mais concorrência.

Por exemplo, anunciar na cidade de São Paulo é extremamente caro, demanda um orçamento maior. No entanto, se optar por anunciar em regiões com concorrências menores, o custo também é menor.

Horário

Não adianta colocar o seu anúncio para rodar 24h. O ideal é buscar o histórico de quando você recebe mais oportunidades na sua indústria e concentrar o seu orçamento nesses horários.

LEIA TAMBÉM:
👉Quanto custa investir em marketing digital para empresas

E então, viu só como o Google Ads é vantajoso?

Se você precisa de ajuda para criar campanhas certeiras no Google Ads, com profissionais capacitados e certificados, entre em contato com os nossos consultores.

Esse artigo foi escrito por...

Livia Dacar
Livia Dacar
Focada em gerar oportunidades pelas mídias para nossos clientes! Com mais de 7 anos no marketing digital com certificações Google Ads e amplo conhecimento das mídas digitais.
Livia Dacar
Livia Dacar
Focada em gerar oportunidades pelas mídias para nossos clientes! Com mais de 7 anos no marketing digital com certificações Google Ads e amplo conhecimento das mídas digitais.
Google Ads para Indústria,Termos importantes no Google Ads,Como o Google Ads funciona?,Indústria,Google Ads,Google na Indústria

Consultoria Gratuita

Logo Google Partner
Rd Station Partner Gold

Somos Certificados Pelas Maiores Empresas de Marketing Digital

Google Ads para Indústria,Termos importantes no Google Ads,Como o Google Ads funciona?,Indústria,Google Ads,Google na Indústria

Foco em
Resultado

Reconhecimento é nossa
maior recompensa!

Seu contato foi recebido com sucesso!

Em breve nossos consultores entrarão em contato.

Agora, aproveite para navegar em nosso site institucional e entenda por que somos os Mestres do Site.
pic-popup-well-done.png
Logo Google Partner
Rd Station Partner Gold

Somos Certificados Pelas Maiores Empresas de Marketing Digital