Para que serve o Google Ads?

Divulgue esse Artigo

Atalhos para este artigo

Certamente você já fez uma pesquisa no Google e encontrou alguns links em destaque no resultado, não é mesmo? Você provavelmente também já acessou um blog e encontrou um banner de anúncio em algum local da página. Ou, quando foi assistir a um vídeo no YouTube, visualizou alguns anúncios antes ou durante os vídeos, certo?

Esses são alguns dos tipos de anúncios que o Google Ads disponibiliza. E, ao contrário do que muitos pensam, esses anúncios não servem apenas para empresas que vendem pela internet.

A seguir, vamos te explicar o que é e para que serve o Google Ads. Boa leitura!

O que é Google Ads?

O Google Ads nada mais é do que uma ferramenta que o Google disponibiliza para que as empresas possam comprar espaço publicitário em suas ferramentas, podendo ser: rede de pesquisa, rede de display e vídeos.

Ou seja, por meio dele, empresas têm a possibilidade de, grosso modo, pagar ao Google para se destacarem na internet.

A primeira versão dessa ferramenta foi lançada em 2000 e desde então ela vem liderando o mercado.

Como funciona o Google Ads?

Uma das principais características do Google Ads é que as empresas que anunciam podem se destacar para um público super segmentado.

Sendo assim, não é só pagar para aparecer mais. É investir em audiência qualificada e que tenha relação com o seu negócio.

Afinal, o que vale mais para uma indústria de esteiras metálicas, por exemplo: anunciar para todos os tipos de pessoas ou para um grupo seleto, que realmente tem interesse no que eles oferecem?

Essa é a principal premissa do Ads. Com base em cookies e em palavras-chave, os anunciantes conseguem determinar onde os anúncios serão exibidos.

LEIA TAMBÉM:
👉 Google Ads do zero: tudo que você precisa saber!

Tipos de anúncios do Google Ads

O Google Ads possui, de acordo com a própria plataforma, 4 principais tipos de anúncios. São eles:

Anúncios na rede de pesquisa

São os anúncios exibidos nos resultados de pesquisa para determinadas palavras-chave. Eles ficam em destaque no início e no fim da página e com um pequena legenda de “Anúncio”, para indicar que é um link patrocinado.

Esse formato é especialmente útil para alcançar pessoas que buscam por produtos, serviços ou soluções específicas.

O grande benefício aqui é que o anunciante só paga quando a pessoa clica no link do resultado para acessar o website.

Se bem planejado, esses anúncios podem ter uma excelente relação entre custo e benefício para sua empresa.

Anúncios na rede de display

Esse modelo de campanha é mostrado em websites, páginas de notícias e blogs que, juntas, formam a chamada Rede de Display do Google, que alcança 90% dos usuários da internet em todo o mundo.

Em números absolutos, os anúncios gráficos do Google são exibidos em mais de dois milhões de sites e em mais de 650 mil aplicativos.

Os anúncios gráficos possuem opções especiais para segmentação, palavras-chave, informações demográficas e remarketing. Você pode incentivar os clientes a notar sua marca, considerar suas ofertas e realizar alguma ação.

Existe mais de uma maneira de usar a publicidade gráfica:

  • Banner: são os anúncios gráficos e que podem ser imagens, elementos interativos, animações, layouts personalizados e outras opções;
  • Texto: parecido com o banner, mas são anúncios em formato “caixa de texto”, que incluem um título, uma descrição, o nome da empresa e uma URL;
  • Gmail: são anúncios personalizados no Gmail e que são visualizados diretamente na caixa de entrada das pessoas.
  • Aplicativo: são os anúncios que parecem especificamente em aplicativos para dispositivos móveis.

Anúncios no YouTube

Com certeza você já deve ter visto que alguns vídeos do Youtube possuem anúncios, seja antes do início ou até mesmo durante a exibição.

Como anunciante, é possível criar campanhas para serem veiculadas em vídeos nessa plataforma.

Com mais de um bilhão de usuários, você pode selecionar o público-alvo desejado com base na idade, no sexo, no local, nos interesses e muito mais.

Um detalhe interessante é que, segundo o YouTube, você só paga quando as pessoas interagem com a campanha. Ou seja, se o anúncio for pulado antes de 30 segundos (ou antes do fim) você não pagará nada.

Anúncios de aplicativos

Aqui são anúncios focados para quem possui aplicativos e deseja aumentar seu alcance com a plataforma do Google. Você pode promover seu negócio ou até mesmo seu aplicativo para usuários de iOS ou Android.

Para que serve o Google Ads?

Com o Google Ads, você pode movimentar anúncios para que as pessoas certas visualizem e interajam com ele, visitando a sua página.

Na maioria dos casos, o Google Ads é utilizado por empresas que desejam aumentar as vendas, seja uma venda direta (como uma loja virtual) ou para gerar mais oportunidades de vendas para o seu departamento comercial.

Como falamos no início desse post, o Google Ads não serve apenas para empresas que vendem um produto ou serviço online. Muitas empresas investem na ferramenta para aumentar a quantidade de oportunidades de vendas.

Como você pôde ver, as vantagens de anunciar no Google Ads são muitas. Além disso, essa ferramenta gera oportunidades para quem busca fazer mais vendas online e fora da internet.

Para criar anúncios que gerem mais vendas para o seu negócio, entre em contato com o nosso time e solicite um orçamento.

Esse artigo foi escrito por...

Picture of Livia Dacar

Livia Dacar

Focada em gerar oportunidades pelas mídias para nossos clientes! Com mais de 7 anos no marketing digital com certificações Google Ads e amplo conhecimento das mídas digitais.
Picture of Livia Dacar

Livia Dacar

Focada em gerar oportunidades pelas mídias para nossos clientes! Com mais de 7 anos no marketing digital com certificações Google Ads e amplo conhecimento das mídas digitais.
O que é google ads,para que serve google ads,pesquisa no google,destaque no resultado,anúncios,tipos de anúncios

Download Grátis

Logo Google Partner
Rd Station Partner Gold

Somos Certificados Pelas Maiores Empresas de Marketing Digital