Mestres do Site

4 requisitos básicos para a criação de sites corporativos

4 requisitos básicos para a criação de sites corporativos

Para firmar sua presença na internet, não basta apenas ter um site. Neste post, confira 4 requisitos básicos para a criação de sites corporativos!

Ter um site corporativo pode ser tanto uma fator positivo quanto negativo para o sucesso do seu negócio. Ainda mais, como muitas pessoas buscam informações referentes a uma empresa primeiramente pela internet, o site passou a ser o seu cartão de visitas.

Nesse sentido, mais uma vez frisamos que seu site pode contribuir para o seu sucesso ou a sua ruína. Ou seja, empresas que possuem uma página organizada, de navegação intuitiva e com um bom design passam confiança e atraem mais clientes. Por outro lado, um site mal feito, com carregamento lento e com design antigo não passará ao cliente uma imagem positiva.

Mas como garantir que o planejamento e a criação de um site passem essa imagem profissional tão importante? Para te ajudar com essas e outras questões, listamos 4 requisitos básicos para a criação de sites corporativos. Confira! 

1. Possuir um domínio próprio

Credibilidade

É fundamental realizar um registro de domínio próprio para que seu site não precise de subdomínios gratuitos (como o WordPress, por exemplo) e, assim, tenha mais credibilidade. 

Afinal, seus potenciais clientes perceberão que você investiu em uma página personalizada, o que passará uma boa imagem do seu negócio e ajudará a realizar mais vendas.

Alcance

Em síntese, o Google e outros buscadores dão prioridade para as páginas que possuem domínio próprio. Assim, com um domínio próprio e otimizações de SEO, você conseguirá mais visitas e, é claro, mais negócios!

Proteção

Além de simples e relativamente barato, ter um registro próprio é uma maneira de proteger a sua marca na internet. Afinal de contas, o domínio serve de garantia para que ninguém use o nome do seu negócio em vão.

2. Saber quais são os objetivos do site

Na hora de criar o seu site corporativo, é essencial que sejam seguidos alguns pressupostos que agilizam a navegação e ajudam a transformar possíveis clientes em clientes reais.

Na página inicial, por exemplo, você precisa destacar itens como “quem somos”, “produtos e serviços” e “contato”, já que ela funciona como uma apresentação inicial. Portanto, inclua tudo o que acredita ser importante e relevante, tornando-a um local atraente e convidativo para quem a visita.

Em geral, os sites são classificados de acordo com o seu objetivo. Então, antes de criar um site na pressa, reflita qual será o propósito da página do seu negócio. Confira algumas sugestões a seguir:

  • Institucional;
  • E-commerce;
  • Portfólio;
  • Informativo;
  • Classificados.

3. Caprichar no conteúdo

Você já ouviu falar que conteúdo é rei?

Em suma, o marketing de conteúdo vem se fortalecendo cada vez mais como estratégia nas empresas. Afinal, essa é uma ótima maneira de engajar seu público por meio de conteúdo de valor, auxiliando-o em todas as etapas do funil  — e o melhor de tudo, de forma natural.

Visibilidade

A maioria das pessoas pesquisa em sites de busca antes de realizar uma compra, certo? 

Por isso, tenha um site com conteúdo relevante e atualizado. Pois um conteúdo bem produzido, que tenha o cuidado na escolha das palavras-chave e dos links de referência, por exemplo, ajuda o seu posicionamento nos buscadores, dando mais visibilidade e credibilidade para a sua empresa.

Autoridade

Como já falamos acima, praticamente todo mundo pesquisa na web para ler sobre o produto ou serviço que estão planejando comprar. Assim, se a sua empresa produz materiais de qualidade, como textos e vídeos, ela será vista como autoridade nesses assuntos pelo público. 

Custo e durabilidade

Um anúncio feito em jornal ou televisão acaba tendo pouca durabilidade. Afinal, quando você para de investir dinheiro, ele para de ser veiculado. Por outro lado, com o marketing de conteúdo a situação é diferente.

Uma vez gerado um post, ele ficará disponível na internet até que você o exclua. Além disso, você só precisa gastar dinheiro se quiser fazer anúncios patrocinados.

4. Investir no layout

Por fim, o visual do seu site talvez seja uma das partes mais importantes de toda da página. Por isso, para que o público sinta vontade de saber mais sobre os seus produtos e serviços, é preciso considerar alguns fatores, por exemplo:

Personalidade

Você sabia que o layout do seu site pode dizer muito sobre a personalidade da sua empresa? Por isso, escolha com cuidado os elementos que combinam com o seu negócio em termos de cores, imagens, tipografia e diagramação. Ainda mais, ter um profissional para ajudá-lo nessas decisões é um diferencial!

Diagramação

Um site clean, sem informações em excesso e com todos os seus itens bem dispostos é um dos fatores que fazem uma pessoa decidir sair ou ficar na sua página. 

Vale lembrar que uma pessoa demora mais ou menos 8 segundos para tomar essa decisão. Dessa forma, seja o mais assertivo possível!

Além disso, fique atento ao tamanho da fonte e ao contraste entre sua cor e o fundo da tela. Proporcione uma boa experiência ao visitante!

Fotos de qualidade

Não precisamos nem dizer que a qualidade das fotos faz toda a diferença em um layout, não é mesmo? Portanto, contrate um fotógrafo de qualidade para fazer as fotos do seu site, ou use fotos dos bancos de dados.

Navegabilidade

Um site precisa ter uma interface intuitiva e de fácil navegação. Nesse sentido, as informações devem ser encontradas sem muito esforço e os links devem ter cara de links. Simples assim!

Com esses requisitos pra criação de sites, seu site corporativo ficará muito mais atraente, gerando mais resultados e engajamento. Assim, a tendência é que seus clientes passem a ser multiplicadores da sua marca.

Para mais conteúdos como esse, continue acompanhando o nosso blog.

Sucesso!

Fechar Menu
Recebemos a sua mensagem. Em alguns minutos nossa equipe fará contato.
Modelo de Site First TI