Super Bowl e seu marketing poderoso: insights para o seu negócio 

Divulgue esse Artigo

Atalhos para este artigo

Realizado no dia 11 de fevereiro, a edição de 2024 do Super Bowl contou com o show do cantor Usher, estabeleceu o time de futebol americano Kansas City Chiefs como campeão pela quarta vez — sendo, desta vez, bicampeão consecutivo — e contou com diversos comerciais criativos e caros em seu intervalo.  

Mas como um evento esportivo norte-americano pode influenciar o marketing do seu negócio? A Mestres do Site te explica a seguir. 

O que é o Super Bowl? 

Criado em 1967 nos Estados Unidos, o evento esportivo é a final da liga profissional de futebol americano. À época, existiam duas ligas do esporte — a National Football League (NFL) e a American Football League (AFL) — e o jogo servia para definir o time que seria o campeão entre os campeões, já que participavam os times com mais vitórias de cada liga para disputar qual deles seria o melhor da temporada.  

Na década de 70, as duas ligas se uniram, o que resultou na criação da National Football Conference (NFC) e da American Football Conference (AFC). Atualmente, a NFL é composta por 32 times que se dividem entre NFC e AFC, e os vencedores das respectivas ligas se enfrentam para coroar o melhor time da NFL.   

O nome do evento faz referência à temporada de jogos dos times universitários, que são tradicionalmente chamados de “bowls”.  

O período de jogos do futebol americano profissional se inicia geralmente em setembro e é finalizada em fevereiro do ano seguinte em um grande espetáculo. 

A grandiosidade do Super Bowl na cultura norte-americana 

Quando a NFL e a AFL firmaram acordo para decidir em um grande jogo qual o seria o melhor time entre as duas, o Super Bowl já nascia com a premissa de ser um importante espetáculo televisivo norte-americano, sendo, inclusive, o evento que marcou a chegada dos televisores com imagens coloridas nos Estados Unidos.   

O fato de o futebol americano ser o esporte mais popular no país já fez com que o evento instantaneamente fosse o de maior audiência, motivo pelo qual o preço que se paga para vincular comerciais em seu intervalo é altíssimo — na edição de 2024, uma propaganda de 30 segundos custou cerca de US$ 7 milhões (quase R$ 35 milhões). 

O show do intervalo e seu marketing 

O Super Bowl como um evento esportivo já é grandioso — sendo considerado quase como um feriado nacional tão importante quanto o Dia de Ação de Graças e o Natal — e o seu Halftime Show traz ainda mais audiência para ele. Mas se você pensa que este momento sempre contou com atrações famosas do mundo da música, está totalmente enganado. 

Desde a década de 60, o espetáculo musical apresentado no intervalo dos jogos era de alguma banda marcial. Nos anos 90, foi notado que a audiência caía durante a apresentação, o que fez com que a organização convidasse, em 1991, a banda New Kids on the Block e, em 1992, a cantora Gloria Estafan para tentar garantir um bom número de espectadores.  

Porém, mesmo assim, a audiência acabou despencando 40 pontos. Dessa maneira, para o show do próximo ano convidaram o artista mais relevante na música em todo o mundo: Michael Jackson. O mais impressionante é que ele topou se apresentar de graça! 

O ganho dos artistas com o Super Bowl 

E por que os maiores nomes da música se apresentam de graça no evento? Simples: como dito anteriormente, o Super Bowl é um evento altamente relevante na cultura norte-americana e sua audiência já é o suficiente para atrair muita atenção e recompensas para os artistas. Segundo matérias da Forbes, alguns exemplos disso, são:  

  • Shakira e Jennifer Lopez aumentaram respectivamente 267% e 187% seus números de ouvintes nas plataformas de streaming em 2020;  
  • Rihanna obteve lucro de cerca de US$ 88.3 milhões por ter mostrado brevemente um produto de sua marca Fenty Beauty durante sua performance em 2023, além de ter um aumento de 211% nos streamings de suas músicas; 
  • Em 2024, o show apresentado por Usher quebrou o recorde de audiência do evento, sendo assistido simultaneamente por mais de 120 milhões de pessoas apenas nos Estados Unidos, e fez o cantor ganhar um valor aproximado a US$ 52 mil enquanto se apresentava.  

E como o Super Bowl pode ajudar o marketing do seu negócio? 

Obviamente, nosso objetivo não é dizer que você deve procurar uma pessoa muito influente e esperar que ela faça a divulgação do seu negócio de graça.  

Do ponto de vista do marketing, observamos que os artistas aproveitarem da grandiosidade do Super Bowl para ter ganhos é uma estratégia poderosa que gera aumento de interesse e de vendas de músicas, shows e produtos relacionados.  

E pensando no seu negócio, você também pode aprender algo: investir no público certo através de um objetivo, canais e jornada de cliente bem planejados.  

O caminho para pesquisar e definir esses 3 pontos importantes é através da estratégia de marketing. A principal ação para começar esta investigação é realizar uma pesquisa de mercado para fazer um levantamento de dados. Com uma estratégia bem definida, o seu negócio consegue fazer melhor uso de seus recursos, adaptar-se rapidamente à mudanças, ter um posicionamento de marca forte, entre outros benefícios — leia este artigo para saber mais.  

No caso de Usher, o cantor já vinha seguindo uma estratégia focada em aumentar e fortalecer a sua audiência. Em 2021, o artista iniciou a sua residência de shows em Las Vegas chamada “My Way”, chegando a estender sua temporada duas vezes e ser conhecido como o novo rei da cidade. Em setembro de 2023 houve o anúncio de que seria o responsável pelo show do intervalo do Super Bowl. Dois meses depois, o cantor participou de um remix da música “Standing Next to You” do cantor sul-coreano Jungkook — um dos membros do grupo BTS, grupo de maior relevância atualmente e que conta com uma base de fãs fortíssima. Em 2024, no dia 6 de fevereiro, anunciou sua turnê comemorativa de 30 anos de carreira, e no dia 9 lançou o álbum “Coming Home” depois de 6 anos sem novos lançamentos.  

Um caso interessante de estratégia poderosa e criativa foi a utilizada pela cantora Beyoncé durante o intervalo comercial do Super Bowl. Seu vídeo em parceria com a operadora de comunicações norte-americana Verizon termina com a frase “Eles estão prontos. Lance a nova música”. E como num passe de mágica, suas duas novas músicas já estavam disponíveis nas plataformas de streaming.  

Portanto, aliar uma boa estratégia de marketing com criatividade e vontade de inovar pode ser um caminho certo para fazer sua empresa crescer e atingir os seus objetivos. 

Esse artigo foi escrito por...

Picture of Marcos Roberto

Marcos Roberto

Marcos Roberto - 7 Anos de experiência no mundo de vendas. Apaixonado por Marketing Digital. Especializado em criação de conteúdo Tráfego pago tráfego orgânico Inbound Marketing Focado em resultados!
Picture of Marcos Roberto

Marcos Roberto

Marcos Roberto - 7 Anos de experiência no mundo de vendas. Apaixonado por Marketing Digital. Especializado em criação de conteúdo Tráfego pago tráfego orgânico Inbound Marketing Focado em resultados!

Download Grátis

Logo Google Partner
Rd Station Partner Gold

Somos Certificados Pelas Maiores Empresas de Marketing Digital