Hospedagem de site: O que é e como funciona?

Divulgue esse Artigo

Atalhos para este artigo

Todo site precisa de uma hospedagem. Neste post, entenda o que é hospedagem e tudo que você precisa saber sobre o assunto. Boa leitura!

Todo site precisa de uma hospedagem para ficar online. Para que um site possa ser visualizado, ele precisa ser hospedado em um servidor.

A Hospedagem de Sites funciona como um aluguel de espaço na internet, em um servidor também compartilhado por outros sites, com recursos que garantem a presença online, como domínio e e-mails.

Para entender mais sobre o assunto, acompanhe este post até o final!

O que é hospedagem?

Pense que você vai viajar. Para isso, você precisa saber onde vai se hospedar, certo? Para que um site possa ser acessado na internet, é preciso que ele seja hospedado em um servidor.

Um servidor é um computador especializado em armazenar arquivos e disponibilizá-los em uma rede.

Sendo assim, a hospedagem de sites é o serviço de aluguel de servidores – ou espaço em um servidor – que possibilita a publicação de sites e aplicativos na internet.

Diferença entre hospedagem e domínio de site

Na hora de criar um site, muitas pessoas confundem os termos “domínio” e “hospedagem”. Esses conceitos estão relacionados, é claro, mas são coisas diferentes.

Domínio é o endereço do seu site, o que você digita na barra de endereços para ir para um site. Por exemplo, o domínio da Mestres do Site é mestresdosite.com.br.

Já a hospedagem, é um servidor onde o seu site está hospedado na internet, sendo responsável por levar as informações do seu negócio até o público e estarem disponíveis 24 horas por dia.

É como se o domínio fosse o endereço da sua casa e a hospedagem a sua casa em si.

Como funciona a hospedagem?

Por aqui, costumamos dizer que o desenvolvimento de um site é, basicamente, um tripé. Para ter um site você precisa do domínio, do conteúdo do site e da hospedagem.

Uma Hospedagem de Sites funciona como um aluguel de um lugar digital para armazenar seus arquivos, pois para ter um site é preciso mantê-lo 24 horas online. A hospedagem é quando pegamos o endereço do site (domínio) e o conteúdo dele e veiculamos ao ambiente online.

Imagem: HostGator

LEIA TAMBÉM:
👉 Ferramentas para criação de sites: o que pode te ajudar nesse processo?

Tipos de hospedagem

Existem alguns tipos de hospedagens diferentes, algumas hospedagens mais baratas e outras que precisam de um investimento maior, mas que oferecem mais benefícios também.

Entenda melhor a seguir:

Hospedagem gratuita:

Esse tipo de hospedagem tem recursos bem limitados, com pouco espaço em disco e transferência, além de banners e propagandas. A hospedagem gratuita não se compara às opções pagas.

Hospedagem compartilhada:

Esse é o tipo mais comum e conhecido. É uma hospedagem barata e que oferece diversas funcionalidades que atendem empresas de pequeno e médio portes. Consiste em um servidor compartilhado entre vários sites diferentes, como o HostGator e o Locaweb.

A hospedagem compartilhada é uma das opções mais escolhidas na hora de hospedar um site. No entanto, pode não ser a melhor opção, já que pode gerar alguns problemas no site e não dar o suporte necessário para resolver.

Servidor Virtual Privado (VPS):

Neste tipo de hospedagem, através da virtualização, um servidor físico robusto é dividido em diversos servidores virtuais isolados uns dos outros virtualmente. Apesar de compartilharem recursos físicos, processamento, tráfego, espaço em disco e memória RAM são totalmente dedicados a cada servidor virtual privado.

Servidor dedicado:

Essa hospedagem é um pouco mais cara, no entanto, é mais privada e segura, super indicada para empresas que precisam de alto desempenho, disponibilidade e customização.

Hospedagem de site do Google

Existe uma plataforma do Google que ajuda na construção de sites de forma intuitiva. Lá você encontra ferramentas de “arrastar e soltar”, com modelos prontos, que auxiliam nesta tarefa.

O Google Sites ainda gerencia a hospedagem, cuida da manutenção e oferece domínios, que irão deixar seu site mais profissional. Com ele, você só precisa gerenciar o conteúdo do site.

É um recurso legal? Sim. No entanto, é uma ferramenta limitada, principalmente quando estamos falando de customização.

Quanto custa a hospedagem de site?

As despesas com a hospedagem podem variar de acordo com diferentes fatores, sendo eles:

  • Tipo de hospedagem: Cada tipo de hospedagem é projetado para diferentes tipos e objetivos de uso, que influenciam o preço. Por exemplo, a hospedagem compartilhada foi projetada para iniciantes e sites pequenos, enquanto o servidor dedicado é mais indicado para quem busca segurança e alto desempenho na web.
  • Provedor de hospedagem de site: Com tantas empresas de hospedagem disponíveis no mercado, escolher uma provedora confiável é fundamental para aproveitar ao máximo seus planos.
  • Período do plano: O período da sua assinatura influencia no preço da mensalidade. A maioria das provedoras de hospedagem de site dão descontos para assinaturas com períodos maiores.
  • Recursos: Cada tipo de hospedagem de site oferece diferentes planos dependendo das funções e dos recursos inclusos. Por exemplo, um plano com mais capacidade de armazenamento vai custar mais caro.

Agora falando em valores, em média, o custo para hospedar sites na hospedagem compartilhada fica em torno de R$6.99 e R$19.99/mês, sendo a hospedagem mais barata.

Os servidores virtuais privados custam em torno de R$ 39,99 a R$ 799,99/mês. Os preços da hospedagem VPS normalmente variam devido à unidade central de processamento (CPU), à memória de acesso aleatório (RAM) e ao armazenamento sólido (SSD) alocados.

Como falamos anteriormente, os preços da hospedagem dedicada são os maiores, custando entre R$ 500 a R$ 2.500/mês. Os principais elementos que influenciam no preço desse tipo de hospedagem são a enorme largura de banda, espaço de armazenamento e RAM para suportar projetos e negócios de grande porte.

Vale a pena contratar hospedagem dedicada?

Ao contratar a hospedagem dedicada, você tem acesso livre a um equipamento totalmente exclusivo para o uso de suas aplicações. Essa exclusividade vai garantir uma grande segurança, tanto quanto às informações e dados de clientes e da empresa, quanto ao desempenho do servidor.

Além disso, em hospedagens compartilhadas, por exemplo, um site pode estar exigindo mais capacidade que o outro, podendo prejudicar todos os sites da hospedagem por questões técnicas.

Sendo assim, contratar uma hospedagem dedicada é muito benéfico.

VEJA TAMBÉM:
👉 Cuidado: erros que podem tirar seu site do ar!

Diferença entre uma empresa que só faz hospedagem e empresa que oferece hospedagem e suporte

Empresas que hospedam os sites que desenvolvem, tem um servidor próprio, com o objetivo de dar um suporte maior para os clientes, são excelentes escolhas na hora de criar o seu site.

Afinal de contas, muitas vezes acontecem alguns erros nos sites devido ao servidor, e quando esse servidor não é o nosso, como no caso das hospedagens compartilhadas, não é possível resolver o problema com tanta facilidade.

Sendo assim, uma empresa de criação de sites que oferece a hospedagem dedicada consegue dar um suporte muito melhor para os seus clientes.

Na Mestres do Site, além da criação de sites, nós contamos com o nosso servidor próprio, sempre oferecendo o melhor para os nossos clientes. Para solicitar um orçamento para o seu site, clique aqui.

Esse artigo foi escrito por...

Picture of Giovanni Ballarin

Giovanni Ballarin

Giovanni é co-fundador e CEO da Mestres do Site, atua no mercado de Marketing Digital há mais de 18 anos. Especialista em Tráfego Pago, Busca Orgânica e Inbound Marketing com certificação Google Ads e Gold Partner RD Station.
Picture of Giovanni Ballarin

Giovanni Ballarin

Giovanni é co-fundador e CEO da Mestres do Site, atua no mercado de Marketing Digital há mais de 18 anos. Especialista em Tráfego Pago, Busca Orgânica e Inbound Marketing com certificação Google Ads e Gold Partner RD Station.

Download Grátis

Logo Google Partner
Rd Station Partner Gold

Somos Certificados Pelas Maiores Empresas de Marketing Digital